#04 Young Leaders Program

Olá minha pipoquinha com manteiga de castanha de caju :)

Já parou para pensar em que tipo de líder você quer ser?

Nos momentos de crise, eu quero ser aquela líder que para, respira, acerta a rota e vai para cimaaa! Já nas épocas de crescimento, quero puxar meu time para um lugar de abundância, que celebra as pequenas vitórias e valoriza cada integrante da equipe. Já nas épocas de estagnação, quero fazer leituras de cenários e compreender quais serão os próximos tempos e movimentos.

“Seja várias pessoas em uma só, um pacotão.” (Ana Gabriela de Oliveira)

Um dos grandes erros da liderança é manter a mesma postura em diferentes cenários. Independente do momento, (crescimento, estagnação ou crise) líderes precisam fazer o que foram chamados para fazer: LIDERAR.

“A pressão sempre está presente. Quando a pressão externa está alta, eu diminuo a pressão interna. Mas se a pressão externa estiver baixa, eu aumento a pressão interna. (Treinador Tite)

Depois de fazer essa breve explicação sobre tempos de liderança, nosso facilitador Guto convidou 3 jovens líderes formados pelo Young Leaders Program para um papo sobre carreiras.

A primeira foi a Ana Rocha, que é gestora de projetos na EBANX e utilizou o surf para fazer um paralelo entre sua carreira e seu momento de treino:

“Cada mar é um mar. A jornada de autoconhecimento é eterna.” (Ana Rocha)

Em seguida, ouvimos Vitor Ungari, que é empreendedor e fellow da YLAI — Young Leader of the Americas Initiative. Vitor falou do poder do autoconhecimento, a importância das conexões e nos incentivou a destinar um tempo da nossa agenda para conhecermos novas pessoas e ampliarmos nossa rede :)

“A gente só para de se autoconhecer no dia que somos enterrados ou queimados.” (Vitor Ungari)

Por fim, ouvimos a Dani Bento, que trabalha como coordenadora no Ifood e nos estimulou a melhorar a nossa liderança através do desenvolvimento de algumas habilidades, como: sentimento de dono, empreendedorismo e entrega de resultado para a organização, além do que é esperado.

Através das experimentações descobrimos oque não queremos fazer.” (Daniele Bento)

Depois desses depoimentos maravilhosos e inspiradores, passamos para a segunda parte do encontro: VALORES — A forma abreviada de descrevermos nossas motivações.

Quando pensamos nas nossas ações e comportamentos, podemos aprofundar em três camadas:

Guto nos apresentou o Modelo Barret, que definiu 7 níveis de consciência:

Para termos uma vida equilibrada, precisamos ter esses valores distribuídos nas sete camadas, atendendo nossas demandas físicas, emocionais, mentais e espirituais.

“Os meus valores determinam a minha liderança.” (Augusto Júnior)

Conteúdo potente, né? E olha que ainda tem muito mais!

Se está curtindo aprender juntinho comigo deixe suas palminhas, clicando até 50 vezes. Aproveite para me seguir no Instagram, no Tiktok e no LinkedIn :)

Amanda Costa é ativista climática, jovem conselheira da ONU, delegada do Brasil no G20 Youth Summit e fundou o Instituto Perifa Sustentável. Formada em Relações Internacionais, Amanda foi reconhecida como #Under30 na revista Forbes, LinkedIn Top Voices e Creator, TEDx Speaker e atua como vice-curadora no Global Shapers, a comunidade de jovens do Fórum Econômico Mundial.

--

--

#ForbesUnder 30 | Conselheira Jovem da ONU | Dir. Executiva do Perifa Sustentável

Love podcasts or audiobooks? Learn on the go with our new app.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store