No dia 30 de Novembro de 2019, fui para a Conferência Pink Punch, evento liderado pela Junia Hayashi, pastora da Igreja Monte Sião.

Fonte: @dunamispinkpunch

O Pink Punch é uma vertente do Dunamis Movement cujo objetivo é despertar e posicionar jovens mulheres para atuarem como agentes de transformação na sociedade.

A missão do Pink Punch é:

  • Despertar mulheres para algo maior que elas;
  • Equip√°-las para viverem seus chamados de forma plena e seguras de sua identidade em Cristo;
  • Modelar uma lideran√ßa composta por homens e mulheres;
  • Implementar uma vida de equil√≠brio entre corpo, alma e esp√≠rito;

Tenho o costume de escrever as coisas loucas que Jesus prepara para mim num caderno, mas hoje, durante meu momento de secreto com Ele, ouvi sua voz me pedindo para compartilhar por aqui.

Mais pessoas precisam saber que Jesus é real, que o Papi nos ama e que o Espírito Santo está aqui, apenas esperando nosso convite para fazer morada dentro do nosso coração.

Quando internalizamos essas verdades, nossa vida muda para sempre!

Antes de te contar a mesma história que contei para Jesus, preparei um mini glossário para você não ficar perdidinhx:

  • Un√ß√£o: Poder de Deus. Capacita√ß√£o para que seus filhos¬†governem¬†a¬†Terra;
  • Falar em l√≠nguas: Meu esp√≠rito se comunicando diretamente com Deus, sem que eu tenha entendimento sobre o que estou dizendo (pode ser um idioma que eu n√£o conhe√ßo ou uma l√≠ngua celestial).
  • Chapar na gl√≥ria/Ficar embriagada de Esp√≠rito Santo: Sentir a presen√ßa de Deus de forma t√£o intensa, a ponto de ficar doid√£o.
  • Deserto: Um dos processos da vida do crist√£o, ocorre quando precisamos amadurecer e mudar de fase. √Č bem doloroso e desgastante.
  • Rios de √Āguas vivas: Fluir intenso do poder de Deus, imposs√≠vel de controlar.

Deus, UAU!

Ontem, na Confer√™ncia Pink Punch do Movimento Dunamis, tive uma das experi√™ncias mais INCR√ćVEIS da minha vida. Senti seu poder de forma t√£o palp√°vel! Acredita que tive a minha primeira vis√£o espiritual acordada?!

Na ministra√ß√£o da tarde veio uma pastora da Argentina, chamada Daniela Freidzon. O tema da palavra foi ‚ÄúNova Temporada‚ÄĚ, ou seja, voc√™ est√° preparando um novo tempo com muito fogo, gl√≥ria, poder, avivamento e prop√≥sito!

Não viveremos pela nossa força ou mérito, mas viveremos pelo poder do teu Santo Espírito!

Fonte: @dunamispinkpunch

Aprendi que você está me levantando da mesma forma que fez com Ester (Bíblia), para que eu traga restauração e força para a minha geração. Para isso é necessário que eu DESPERTE, pois tem água fresca e fogo fresco sendo derramado pelo teu Espírito.

A Dani nos disse que voc√™ trocou desertos por rios de √°guas vivas, vistas comuns pela tua vis√£o e transformou cora√ß√Ķes de pedra em cora√ß√Ķes de carne, prontos para receber tudo que vem dos¬†c√©us.

Paizinho, você me provou e aprovou, sou sua obra perfeita e mereço, por causa do favor encontrado em Cristo, uma vida abundante e repleta de paixão.

Enquanto eu te contemplo você me transforma, me fazendo ficar mais parecida contigo!

EU ESTAVA FAMINTA PELA SUA GL√ďRIA!

Orava em línguas e pedia mais, quando de repente eu tive uma visão: vi um altar gigante repleto de fogo e um anjo voando sobre a igreja, entregando talentos para algumas das meninas que estavam presentes.

Foi tão impactante que eu caí de joelhos, tua glória era tão pesada que me prostrei com o rosto no chão, falando em línguas, chorando, sem controle nenhum sobre o que via ou sentia.

Foi loucamente SOBRENATURAL!

O tema da mensagem foi ‚ÄúAlegria e a capacita√ß√£o de Deus.‚ÄĚ

Tudo que é impossível vem do Senhor. O Senhor nos entrega a sua palavra junto com uma capacitação celestial para cumprirmos a sua vontade.

Aprendi que posso viver alegre TODOS OS DIAS, pois a alegria não vem de mim, vem de ti! O Senhor faz com que a sua alegria se perpetue, sendo esta a maior sinalização da fé.

Assim que a Junia acabou de pregar, ela disse:

Meninas, a gente preparou uma surpresa para o final. Oramos e jejuamos durante muitos dias para que voc√™s possam sentir o toque de Deus. O nome disso √© T√ļnel de Fogo, voc√™s v√£o passar e n√≥s vamos impor as m√£os sobre voc√™s. Deus quer batiza-las com fogo e alegria. Aque√ßa teu esp√≠rito e venha!

Eu pensei: ‚ÄúObaaaa, poder de Deus!!!‚ÄĚ. Mas n√£o tinha ideia do que estava prestes a acontecer.

Nos organizamos em filas e esperamos nossa vez. Lembro de tomar toda a água que estava em minha garrafinha, pois não queria que vazasse e molhasse a minha bolsa. Assim que terminei a água, guardei a garrafa e comecei a pular, cantar e dançar, aguardando animadamente a minha vez.

O t√ļnel do fogo funciona assim: h√° duas fileiras de ministros que imp√Ķem as m√£os sobre as participantes da confer√™ncia, clamando por fogo e pela presen√ßa do Esp√≠rito Santo.

Fonte: @dunamispinkpunch

Assim que as primeiras m√£os foram impostas sobre mim eu comecei a GRITAR EM L√ćNGUAS e a CORRER NO LUGAR, com os bra√ßos abertos. Uma corrente el√©trica me inundou: ao mesmo tempo que meu esp√≠rito pedia por mais, sentia meu corpo prestes a romper¬†em¬†milhares¬†de¬†pedacinhos!

Cheguei ao final do t√ļnel embriagada pelo teu Esp√≠rito! Quase ca√≠, mas um ministro me segurou e me colocou gentilmente no ch√£o.

Eu gritava, G-R-I-T-A-V-A em línguas estranhas sem controle nenhum sobre minha voz. Sentia o Espírito Santo inundando cada parte do meu corpo, minha pele, meus ossos, meus órgãos, minhas células e meu sangue.

Não foi um processo confortável, eu berrava de dor! Não era uma dor normal, na carne. Era uma dor santa, no espírito.

Ajoelhei, abri os braços e permaneci com a testa no chão. Mesmo doendo eu pedia mais, mais e mais. Aquilo era tão bom e viciante! Nunca tinha experimentado sua energia de forma tão profunda.

Meu espírito se acalmou, virei e deitei de costas. Continuava falando em línguas e pedindo por mais. Não sei explicar como, mas meu tronco foi puxado para cima três vezes. Como se você quisesse me agarrar, mas a gravidade me impedia de ir ao seu encontro.

Após esse processo, fui despertada: levantei num pulo e comecei a dançar. Fiz dança de adoração, pulei, fiz dança profética, pulei mais um pouco e cai novamente na unção kkk. Dessa vez foi mais suave, como se você estivesse me pegando no colo e me colocando para deitar. Meu corpo se acalmou e uma paz sobrenatural veio sobre mim.

Após um tempo, minha consciência voltou ao normal, mas eu não queria sair da sua presença de jeito nenhum! Sentei no chão e voltei a falar em línguas, apaixonada e rendida pelo seu amor e poder.

Uma das meninas da organização veio com o intuito de me ajudar a levantar e me levar até a porta, mas eu não queria ir embora!

Eu disse a ela, metade em português/metade em línguas:

Por favor, (shabababa, orecantalararara, shabababa…), deixa eu ficar mais um pouquinho, só mais um pouquinho (bashababababa, orecantalararara, oshorororor…). Eu não quero sair da presença do meu pai!

Ela respondeu:

Não… Tem que sair, todas as meninas precisam ir embora. Vamos, eu te ajudo a levantar.

Eu fiz que não com a cabeça e supliquei com os olhos, pois não conseguia mais falar português, só saia línguas estranhas kkkkkk. Fiz o sinal de só mais um pouquinho com as mãos e ela desistiu de me tirar dali.

Eu ajoelhei novamente, coloquei a testa no chão e voltei a clamar em línguas, dessa vez com um choro de gratidão.

Você me deu uma nova língua, que foi super ativada durante essa conferência:

Todas as vezes que vamos mudar de fase, o espírito santo nos batiza com uma nova língua!

Lembro de sentar no ch√£o e olhar para o t√ļnel de fogo: Era t√£o intenso que algumas meninas mal conseguiam terminar a travessia, caiam na un√ß√£o no meio do percurso! Mas tamb√©m tiveram meninas que atravessaram o t√ļnel plen√≠ssimas, como se aquilo n√£o as impactasse.

Eu te perguntei:

Eita Deus, que coisa doida! Por que algumas meninas ficam chapadonas na glória enquanto outras não sentem nada?

Antes de você me responder, outra voluntária veio e interrompeu nossa conversa. Disse que minha amiga estava me esperando e eu precisava ir embora.

Dessa vez, eu n√£o consegui falar nem uma palavrinha em portugu√™s, s√≥ saia ora√ß√£o em l√≠nguas! Olhei para ela, fiz sinal com a m√£o para ela esperar, respirei fundo e tentei falar: s√≥ saiu ora√ß√£o em l√≠nguas! (shababababa, orecantalalala‚Ķ) ūüėā

Sinceramente, FOI C√ĒMICO!

Eu geralmente consigo controlar meu dom, ativar e desativar o falar em línguas. No entanto, dessa vez estava impossível, incontrolável!

A voluntária desistiu de tentar me fazer sair e eu deitei novamente, curtindo a vibe sobrenatural do teu Espírito.

Foi esquisito por que eu já experimentei seu poder outras vezes. Temos o hábito de ficar agarradinhos no meu quarto, eu danço para você tanto no secreto quanto nos corredores da igreja e você me leva para uma dimensão espiritual!

Já chapei na glória antes, o Bola de Neve é uma igreja profética e já recebi tua unção com imposição de mãos.

Só que dessa vez foi diferente! Tua presença veio com MUITA intensidade, a ponto de eu não conseguir controlar!

Ao mesmo tempo que sentia que meu corpo estava prestes a explodir, pedia por mais, mais e mais: meu espírito estava sedento! Eu havia encontrado o que satisfaz a minha alma!

Fiquei até o final, ora sentada, ora deitada. Não parei de falar em línguas até acenderem as luzes. Todo o êxtase foi embora e fiquei te agradecendo mentalmente por esse banquete, no qual eu fui completamente alimentada pela sua glória!

Senti tanta paz, amor e alegria!

Minha amiga Thai Alarcon veio até mim e disse:

Miga, vamos embora? Já acabou, as voluntárias falaram que a gente precisa ir. Você quer ajuda para levantar?

Eu fiz que não com a cabeça, respirei fundo e comecei a levantar. Eu parecia uma bêbada! Minha vista estava turva e meu corpo estava todo molenga.

Assim que saímos da sala meu corpo voltou ao normal, minha vista clareou e eu contei para a Thai como foi a experiência. Enquanto descíamos as escadas, eu dizia:

Amiga, A-M-I-G-A! O que foi aquilo??? Nunca senti a presença de Deus com TANTA INTENSIDADE! Ele estava tão real, tão palpável!

Ent√£o o volunt√°rio que estava coordenando a sa√≠da (o mesmo mo√ßo que me segurou quando sa√≠ do t√ļnel do fogo) nos disse sorrindo:

Eu vi!

Eu olhei nos olhos dele e perguntei:

Cara, o que foi aquilo???

Ele respondeu:

Você estava aberta? Era a presença do Espírito Santo! Quanto mais aberto a gente está mais liberdade Ele tem para fluir. Só não pode pedir mais, se não você rompe e ai já era! kkkkk

Dei um sorrisinho e disse com cara de sapeca:

Eu n√£o parava de pedir mais! kkkkk

Demos risada e fomos embora.

QUE EXPERIÊNCIA DEUS!!!

N√£o tenho respostas e tamb√©m n√£o sei explicar o que aconteceu. As √ļnicas certezas que tenho s√£o:

  • Deus Pai nos ama loucamente;
  • Jesus √© muito real e nos deseja;
  • O Esp√≠rito Santo est√° nos preparando para algo MUITO ESPECIAL!

Nosso Deus est√° procurando filhos dispostos para viverem embriagados pelo seu poder, de forma louca, apaixonada e divertida!

Nesse momento, Deus est√° a√≠ do seu lado. Conversa com Ele e conta o que est√° rolando dentro do seu cora√ß√£o. ūüėä

Desejo que você descubra quem é Jesus e que tenha experiências mucho louuuucas com Ele. Que tal viver a plenitude de caminhar com um Deus infinito?!

Não sei o que vai acontecer, mas sinto que uma geração de jovens alegres e poderosos está sendo levantada. São jovens que encorajam uns aos outros, vivem debaixo do amor e estão sedentos para reproduzir na Terra como é nos céus.

N√£o fique de fora, Jesus est√° te chamando!!!

Amanda Costa √© estudante de Rela√ß√Ķes Internacionais, empreende o Climathon Brasil e o PerifaSustent√°vel, coordena o Grupo de Trabalho sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustent√°vel (GT ODS) no Engajamundo, √© facilitadora da Plant-for-the-Planet, participa das redes Global Shapers Community, United People Global (UPG) e Youth Climate Leaders (YCL).

#ForbesUnder 30 | Jovem Embaixadora da ONU | Ecofeminista Antirracista

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store